É possível viver de arte?

arte_talento-01 copy
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Mas é possível viver de arte? Talvez boa parte de mim duvidasse disso, até eu me mudar para o Canadá. Aqui conheci três grupos de pessoas: as que vivem confortavelmente de arte (raro no Brasil), as que sobrevivem com alguma arte e as que se arrastam na arte e vivem uma vida de dificuldades, frustrações e lamentos.

E qual é a diferença entre essas pessoas? O empreendedorismo está presente, sempre, no grupo dos bem sucedidos. 

A monetização da arte é sim um desafio para a maioria dos artistas. É desafiador ser empreendedor (até mesmo para “empreendedores” natos). Imagine só para artistas! No passado, o sistema de promoção de artistas era controlado por grandes mídias e patrocinadores, como galerias e gravadoras. As grandes empresas detinham o poder financeiro e de distribuição da arte, muitas vezes exploravam o artista, mas faziam tudo aquilo que os artistas não queriam fazer: vender. Resultado: poucos conseguiam “chegar lá” e os que chegavam muitas vezes eram infelizes.

Com a nova era digital tudo é possível! MUITO mais artistas conseguem “chegar lá’ sozinhos mas poucos estão dispostos (ou preparados) para fazer isso. Mas agora a decisão é nossa.

Hoje, com as redes sociais e ferramentas de marketing online é possível sim viver de arte. Mas para isso é fundamental aprender a ser um Artista Empreendedor.

O Artista Empreendedor

Empreender é treinar suas habilidades em fazer algo acontecer. Neste caso: fazer a sua Arte acontecer.

Primeiro o artista precisa entender as peças desse empreendimento. Não necessariamente fazer tudo mas entender empreendedorismo para criar seu time, orientar-se ou gerenciar os envolvidos. Tudo para que a SUA VISÃO se realize.

Sei que o produto artístico é algo delicado. Muito mais que um produto, a Arte é manifestação, expressão e registro histórico. 

Mas assim que o assunto parte para comercialização da arte, o empreendedorismo reina. 

em·pre·en·der |ê| 

verbo transitivo

1. Ter intenção ou tomar a decisão de realizar uma tarefa, uma acção ou um empreendimento, geralmente difícil (ex.: os navegadores empreenderam uma notável empresa). = INTENTAR, PLANEAR, PROPOR-SE, TENTAR

2. Pôr em execução ou dar início a uma tarefa, uma acção ou um empreendimento (ex.: a nova gestão empreendeu mudanças importantes). = LEVAR A EFEITO, REALIZAR

Existem ferramentas que vão ajudar, e muito, você a conquistar o seu objetivo de viver de arte. Para simplificar essa ciência de empreender a deixar esse processo mais didático eu vou dividir tudo em 4 pilares: 

1) O ARTISTA

 Desenhando sua visão e um marca única para seu empreendimento

2) A ESTRATÉGIA

Conhecendo seu público e planejando sua jornada. Reunindo pessoas e ferramentas.

3) A PRODUÇÃO

Processos criativos, projetos artísticos e burocracias.

4) A DISTRIBUIÇÃO

Modelos simples para marketing e monetização. Redes sociais e mercado online.

No marketing, é comum investigar o que a concorrência está fazendo, analisar as empresas que têm obtido sucesso e fazer igual ou melhor. No caso do projeto “Vivendo de Arte”, eu vou pegar o que vi de melhor no grupo um, os que vivem confortavelmente de arte, e aplicar conhecimentos que adquiri ao longo da minha carreira (10 anos em logística, e mais de 10 anos com marketing e design) criando uma metodologia própria a partir de dados e tendências que coletamos nesses últimos anos trabalhando com empresas, atletas e artistas.

Eu sugiro que você imprima esses quatro pilares e analise principalmente aonde é que você precisa de ajuda. Vou repetir isso: você não precisa fazer tudo sozinho mas precisa saber que todos esses passos são fundamentais para se viver de arte. Caso esteja começando procure ajuda de amigos, grupos de apoio ou parceiros. Se você pode investir então contrate (com cautela).

Passo 1. Criando a sua marca (O Artista)

  • Quem somos nós
  • Dom, Talento e Personalidade
  • Criando uma visão para sua carreira
  • Descobrindo sua marca pessoal
  • Identidade visual para artistas
  • A busca do nome
  • Coaching – conectando você ao seu objetivo

 

Passo 2. Elaborando uma estratégia (O Objetivo)

  • Desenhando seu objetivo
  • Criando um time (ou organizando o seu)
  • Entendendo seu público
  • Escolhendo suas ferramentas
  • Planejando a sua viagem

 

Passo 3. Produzindo (O Trabalho)

  • Pré-produção e processo criativo
  • Quanto custa e quanto tempo leva
  • Parcerias e estratégias
  • Direitos sobre a obra e direitos autorais
  • Produção e Foco

 

Passo 4. Mergulhando no Mercado Digital (A Distribuição)

  • Ferramentas e modelos de marketing
  • A promoção do seu trabalho artístico
  • Precificação
  • Contratos e agentes
  • Investimentos e controle de caixa

Claro que os comentários e sugestões dos leitores vão mudar um pouco a lista mas esse é o esqueleto inicial. O que você acha dessa lista? Faz sentido para você? Topa encarar comigo essa jornada de Viver de Arte? Mande um email ou vem no Instagram pra gente conversar!

Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Copyright © 2021 Vivendo de Arte. All Rights Reserved